Pedro Magalhães

Margens de Erro

Acabou (?)

Posted April 11th, 2006 at 2:57 pm4 Comments

Do La Stampa:



Dos votos dos eleitores no estrangeiro resultaram 4 senadores em 6 para a Unione. Maioria relativa então para Prodi no Senado e absoluta na Câmara. Mas a Cdl contesta o resultado e quer recontagem.

by Pedro Magalhães

O dia seguinte

Posted April 11th, 2006 at 9:15 am4 Comments


Retirado do La Stampa.

Unione ganha na Câmara, por 25 mil votos, e permanece indefinição no Senado, se bem que a votação dos eleitores no estrangeiro pareça estar a favorecer Prodi. Seja como for, não haverá maioria absoluta no Senado nem para Unione nem para Cdl, devido aos senadores vitalícios (inclinados à esquerda). A Cdl pede recontagem.

Entretanto, os sondagistas são trucidados:

Elezioni: il flop dei sondaggi

Exit-poll, che disastro

«Sfida già finita alle quindici»: e ora chiamateli pure exit flop

by Pedro Magalhães

Fim, por hoje

Posted April 11th, 2006 at 12:19 am4 Comments

Uma mera curiosidade, porque já só vale a pena contar os votos, mas a oitava (!) projecção apresentada para o Senado continua a dar 7 assentos de vantagem à Cdl, enquanto a terceira (!) projecção para a Câmara dá a Cdl e a Unione empatados com 49,8% (!) e retira a anterior maioria absoluta para a Cdl (!). A Nexus desiste, e deixa de dar projecções de deputados.

Por mim, já esgotei os pontos de exclamação, mas o director da Nexus, ao "Porta a Porta", ainda tem mais um: "são as piores eleições da história!" Bem podes dizê-lo outra vez.

Amanhã prosseguem os jogos.

by Pedro Magalhães

Mais projecçoes

Posted April 10th, 2006 at 9:06 pm4 Comments

A projecções mais recentes não mudam nada: às 20.15h (hora portuguesa), continuam a estimar uma maioria absoluta (com o bónus) para a Cdl de Berlusconi quer na Câmara quer no Senado.

Há uma pessoa em cujo lugar em não gostaria de estar hoje: Fabrizio Massa, da Nexus, que esteve a coordenar as sondagens à boca das urnas e as projecções...

by Pedro Magalhães

Pois…

Posted April 10th, 2006 at 7:41 pm4 Comments

Projecção Nexus (19.30h hora portuguesa), Câmara:
Cdl: 49,9% (340 deputados)
Unione: 49,6% (277 deputados)

Projecção Nexus (19.00h hora portuguesa), Senado:
Cdl: 49,1% (157 senadores)
Unione: 49,8% (152 senadores)

by Pedro Magalhães

Maratona

Posted April 10th, 2006 at 6:25 pm4 Comments

Já se percebeu que isto vai demorar. A projecção para a Câmara já está atrasada mais de duas horas e, tendo em conta o que aconteceu com o Senado, todos já esperam que a vantagem seja, afinal, inferior a 5 pontos. Vai ser preciso contar os votos. Volto depois.

by Pedro Magalhães

Senado

Posted April 10th, 2006 at 5:49 pm4 Comments

Se se confirmar a projecção, sete senadores de vantagem é muito pouco para garantir qualquer espécie de governabilidade com coligações tão fragmentadas e com um Senado com tantos poderes como o italiano.

(Uma nova projecção para o Senado -17.45h hora portuguesa - dá 51% para Unione e 49% para Cdl, sem impacto na distribuição de senadores).

by Pedro Magalhães

Prudência

Posted April 10th, 2006 at 5:08 pm4 Comments

Na televisão italiana, fala-se em "prudência" e "ligeira vantagem".

by Pedro Magalhães

Primeiras projecções, mais renhido do que parecia (17.00h)

Posted April 10th, 2006 at 4:59 pm4 Comments

As primeiras projecções - não sondagens, mas sim dados de sondagens combinados com dados do apuramento - são para o Senado: 50,4% para a Unione, 48,6% para a Cdl. Mais renhido do que era sugerido pelas sondagens à boca das urnas (que davam 50-54% para a Unione e 45-49% para a Cdl). Ainda não há, que eu saiba, projecções para a Câmara dos Deputados...

by Pedro Magalhães

Itália, actualização 16.35h

Posted April 10th, 2006 at 4:37 pm4 Comments

Segundo as duas sondagens à boca das urnas (Nexus e Piepoli), a Unione parece conseguir garantir os 340 assentos parlamentares na Câmara dos Deputados e também uma maioria no Senado. Abstenção deverá andar pelos 15%, abaixo da verificada em 2001.

by Pedro Magalhães