Pedro Magalhães

Margens de Erro

Eurosondagem, 29 Maio-1 Junho, N=2037, Tel.

Posted June 3rd, 2011 at 12:50 am4 Comments

PSD: 35,9%
PS: 31,1%
CDS-PP: 13,0%
CDU: 7,8%
BE: 5,9%

Aqui.

by Pedro Magalhães

O chato

Posted June 2nd, 2011 at 6:36 pm4 Comments

Eu sei que sou insuportável. Mas isto não dá:

"PSD cai 1 décima mas dilata vantagem sobre PS"

Eh pá, tenham paciência. Nem quero entrar na questão de "décima" vs. "décimo". E até percebo que uma descida de um décimo de ponto percentual possa aparecer numa tabela ou num gráfico. Mas num título? Que espécie de coisa é uma descida de 0,1 numa sondagem? Eu tinha dito que havia riscos nesta coisa da tracking poll, e este é o pior. Leiam lá isto. Nem é preciso fazer contas. É só ficar com a ideia geral.

by Pedro Magalhães

Sondagem do CESOP

Posted June 2nd, 2011 at 5:50 pm4 Comments

Intenções de voto não são comportamentos de voto, pelo que comporta um certo risco tratar a relação das primeiras com variáveis explicativas, risco esse que é contornado pelas sondagens pós-eleitorais (e por exit polls feitas a pensar nisso, volto a insistir). Mas os resultados da sondagem da Católica são tão interessantes desse ponto de vista que é impossível resistir. Estou a olhar para os gráficos do DN e não os encontrei online. Mas quando estiver depositada na ERC vão poder perceber melhor o que estou a dizer.

1. A relação curvilinear entre idade e a opção "De certeza que vai votar": mais jovens votam menos, a propensão cresce depois e volta a descer no fim do ciclo de vida. É muito débil ainda este padrão, mas vai fortalecer certamente quando olharmos para comportamentos em vez de intenções.

2. O bom desempenho do CDS e (especialmente) BE entre os mais jovens. O padrão é familiar.

3. A correlação negativa - forte mesmo nas intenções de voto - entre instrução e voto no PS, cujo desempenho entre os mais instruídos é bastante fraco. Entre os que não completaram o secundário, pelo contrário, o PS supera mesmo o PSD em intenções de voto. Também aqui se confirmam padrões de 2009. Mas o PSD parece ter recuperado entre os mais instruídos em comparação com 2009.

Tudo isto é para confirmar depois, mas é este tipo de coisas a que as sondagens e aqueles que as divulgam deviam dar sempre importância. E é também o tipo de coisas que dá confiança na validade daquilo que se mediu numa sondagem, tal como já me tinha sucedido ontem na análise dos resultados da Intercampus.

by Pedro Magalhães

Assistente fora do escritório

Posted June 2nd, 2011 at 5:21 pm4 Comments

Não vou conseguir responder a tantos e-mails com a brevidade que vocês acham - e bem - que eles merecem. Vou tentar responder, mas vai demorar. Desculpem.

by Pedro Magalhães

Candidatos a deputados por Lisboa

Posted June 2nd, 2011 at 12:36 pm4 Comments

É onde eu voto. A lista de candidatos pode ser consultada aqui. Bem sei que no nosso sistema esta consideração é talvez pouco relevante, e talvez menos do que deveria ser. Mas pensar deste ponto de vista pode fazer algum sentido, especialmente para quem estiver muito indeciso.

by Pedro Magalhães

Um e-mail sobre OBN’s nas intenções de voto e nos comportamentos de voto

Posted June 2nd, 2011 at 11:37 am4 Comments

Recebi um e-mail de um leitor com este gráfico. Não fui verificar dados mas suponho serem baseados no quadro no post abaixo com as sondagens das últimas semanas. A "projecção" que o leitor faz para 2011 é simplesmente a média das diferenças passadas entre as médias das intenções de voto e daqueles que acabaram por ser os resultados finais. O leitor informou-me também, com uma clareza que nem sempre ocorre nestas coisas, que é militante do MEP, tendo compreensivelmente grande interesse nesta questão. À vossa consideração.

by Pedro Magalhães

Pool

Posted June 2nd, 2011 at 10:25 am4 Comments

uma pessoa que, imagino, gostaria que o resultado de Domingo fosse a média que está neste post.

by Pedro Magalhães

Não percam

Posted June 2nd, 2011 at 12:18 am4 Comments

O gráfico feito pelo Bernardo Caldas, melhorado e já totalmente actualizado.

by Pedro Magalhães

Actualizações várias

Posted June 2nd, 2011 at 12:15 am4 Comments

O quadro das sondagens desde meados de Abril. Recordem que estou a considerar apenas amostras independentes no caso das tracking polls:














As tendências mês a mês (e, no final, para a penúltima e última semanas antes das eleições) controlando house effects. PS desce da semana anterior para esta, PSD e CDU (ligeiramente) sobem, CDS pára depois de meses sempre a subir. Mas faltam sondagens.














E um quadro - provisório - com as sondagens das últimas semanas desde 2002. "Última semana" significa que o trabalho de campo terminou a partir do Domingo anterior à eleição:






















A incerteza sobre quem lidera as intenções de voto nesta eleição diminuiu muito com as sondagens que foram realizadas a partir do final da semana passada e cujos resultados estamos a conhecer agora.

by Pedro Magalhães

Marktest, 28-31 Maio, N=1208, Tel.

Posted June 1st, 2011 at 11:46 pm4 Comments

PSD: 38,5% (-0,8)
PS: 30,1% (-3,3)
CDS/PP: 9,7% (+0,7)
CDU: 8,5% (+2,0)
BE: 4,5% (-0,3)


Aqui. Comparação com a sondagem da Marktest de 10 de Maio.

by Pedro Magalhães