Pedro Magalhães

Nova sondagem: Pitagórica, 24 fev-1mar, N=506, Tel.

Está aqui. A notícia pode gerar alguma confusão quando confrontada com os dados. Fala-se sempre de “descida da oposição”, mas na verdade, quem desce na sondagem é o PCP e o BE. O PS não se move. Consequências no agregador do POPSTAR são poucas, tendo em conta que estamos a agregar muita informação anterior e esta sondagem tem uma amostra pequena. Mas mesmo assim, reflectem-se aqui as tendências gerais:

1. A CDU desce lentamente desde o final de 2013.
2. CDS, depois da queda causada pela crise política de Julho, está relativamente estável desde finais do ano passado.
3. PSD beneficiou após a crise política de Julho com a queda do CDS, voltou a descer ligeiramente no final de 2013 mas está relativamente estável desde então.
4. PS está estável desde início de 2014. A mais longo prazo, pode dizer-se que tem vindo a subir, muito devagar. Tinha 34,8% em Julho e está com 37,1%, o seu máximo desde das eleições.
5. O BE está estável desde finais de 2013 mas, a mais longo prazo, está 3 pontos abaixo do seu máximo na legislatura (foi há mais de 1 ano, em Janeiro de 2013).

Actualmente:
PS: 37,1% (+0,1)
PSD: 26,9% (+0,5)
CDU: 10,9% (-0,1)
CDS: 7,6% (+0,1)
BE: 6,3% (-0,4)