Pedro Magalhães

A situação

Das oito sondagens (com amostras independentes) conduzidas em Maio, temos como média:

PSD: 35,5%
PS: 33,8%
CDS-PP: 11,5%
CDU: 7,9%
BE: 6,2%

Dito isto, importa não esquecer que o conjunto de todas estas sondagens de Maio representa já uma “amostra” de quase 8000 pessoas e que, desse ponto de vista, poder-se-ia dizer, sob certos pressupostos, que a vantagem do PSD é pequena mas estatisticamente significativa.

4 Comments

  1. Falta aplicar a esta sondagem a regra de somar 2% ao CDS-PP, 1% a CDU e subtrair 2% ao PSD e 1% ao PS pois a media das sondagens esta correta mas o que conta não é só a intenção mas principalmente a intenção levada a pratica na urna no dia das eleições ….

  2. et says:

    A vantagem tem sido constante ? Ou tem diminuído durante o mês de Maio ? Se tiver sido constante parece-me decisiva a vantagem estatisticamente significativa. Se estiver a diminuir, estará tudo em aberto. Concorda ?

  3. João says:

    Questão para o Pedro Magalhães:
    Muita gente não vai votar porque tem dúvidas, não tem a certeza de escolher bem.
    Ora, se no boletim de voto fosse permitido colocar duas cruzinhas, muitos dos indecisos iriam votar, digo eu.
    A questão que coloco é: seriam muito diferentes os resultados?

  4. teste says:

    Caro Pedro Magalhaes,

    Seria possivel colocar uma análise semelhante, mas corrigindo pelos house effects?

    Obrigado,
    Miguel

Leave a Comment

You must be logged in to post a comment.