Pedro Magalhães

Cinco gráficos sobre as eleições, já com resultados finais

1. Afinal, a participação eleitoral oficial não aumentou, como se chegou a pensar na base das projecções das televisões (provavelmente, a afluência no final do dia foi menor que o habitual). Contudo, é altamente provável que a participação “real” (votantes sobre população com idade de voto residente – dados aqui), tenha aumentado, tendo em conta a emigração dos últimos anos. Mas mesmo esse deverá ser um aumento modesto.

Particip

2. O “arco da governação” abana: PSD+PS+CDS têm a menor votação desde 1985, o ano do PRD. Nada que se compare, é certo, com o que se passou na Grécia ou se prepara para Espanha. Contudo, nos discursos de Portas, Costa e Passos Coelho ontem, foi bem visível, implícita e nalguns casos explicitamente, a preocupação com estes desenvolvimentos.
Arco

3. PSD+CDS têm 38,6%. Pior só em 2005, com Santana Lopes. Enough said.
PSDCDS

4. PS tem 32,4%, menos do que em 1983 (depois dos governos AD), menos do que em 2002 (depois do “pântano”), menos do que em 2009 (depois do 1º governo Sócrates).
PS

5. O BE tem 10,2%. Bom resultado, mas pouco acima de 2009. Já sabemos o que fez com esse resultado de 2009. Veremos o que fará desta vez.
BE

No Comments Yet

Leave a Comment

You must be logged in to post a comment.