Pedro Magalhães

Dois posts muito instrutivos

Ambos do Luís Aguiar-Conraria, no Destreza das Dúvidas:

Amostras e populações, ou quão pequeno é o infinito, sobre o facto de, para grandes populações, o tamanho da amostra ser irrelevante para a margem de erro das estimativas.

É razoável observarmos sondagens tão díspares?, sobre a incerteza que o erro amostral comporta para as estimativas e como isso implica que sondagens com resultados díspares possam estar a captar uma mesma realidade.

No Comments Yet

Leave a Comment

You must be logged in to post a comment.