Pedro Magalhães

Eurosondagem, 12 Jun, N=1022, Tel.

PSD: 34.3% (-0.5)
PS: 32.1% (+0.9)
CDS-PP: 11.6% (-0.9)
CDU: 9% (+0.2)
BE: 6.9% (+0.4)

Here, basically suggesting that the last known poll was not an outlier.

4 Comments

  1. e as do Synaspismos

    chemengoff

    Σωστά το πιο σημαντικό με ντόπια πατάτα….

    adepende muyto mais dos gregos que do Ps Dê ou nã dê..

  2. José Corvo says:

    A situação antes da demissão do Sócrates em 2011 para a “esquerda” era melhor do que a situação refletida na actual sondagem e de que serviu isso?
    Portugal não é a França. Em Portugal os interesses são miudinhos…mesquinhos…pobrezinhos se bem que o PS Francês também deixe muito a de desejar em certas situações históricas em que segue a regra geral do oportunismo arrependido.

  3. João Vasco says:

    Os valores entre parêntesis são relativos ao quê? Parecem não bater certos com os da anterior sondagem da Eurosondagem…

  4. AL says:

    São casos como estes que alteram todas as previsões.
    De fonte segura:
    1º -O subsídio de férias deste ano foi retirado (roubado) a quem aufira uma remuneração mensal superior a 1001 euros.
    2º Há pessoas que por várias vicissiitudes estão no desemprego viram diminuidos os rendimentos e, por causa disso ficam mais atrapalhadas financeiramente e atrasam-se no pagamento de impostos;
    3º O fisco não é peco, nos termos da lei, penhora mensalmente uma parte do subsídio de desemprego ou do vencimento;
    4º Mas como este ano não há subsídio o fisco que fez: ao vencimento/reforma de julho vai abater não uma prestação/verba correspondente à penhora mas duas, ou seja, em vez de penhorar 1/3 do salário/reforma (33%) vai penhorar 2/3 (66%) ,
    Uns gatunos.

Leave a Comment

You must be logged in to post a comment.