Pedro Magalhães

Legislativas. Marktest, 18-21 Set., N=811, Tel.

PS: 40%
PSD: 31,6%
BE: 9%
CDS-PP: 8,2%
CDU: 7,2%
OBN: 4%

Entre 811, terá havido 37% de “indecisos”, o que na Marktest, julgo saber, são pessoas que não quiserem responder ou disseram não saber em quem votariam. Aqui (dado que fontes diferentes dão resultados ligeiramente diferente, é natural que haja ligeiras mudanças neste post amanhã).

12 Comments

  1. Lamas says:

    Qual o grau de credibilidade deste barómetro tendo em consideração a quantidade de entrevistas e o meio utilizado?

  2. anauel says:

    Pedro,

    Dirias que dentre estes “indecisos” a fatia de pessoas que não quiseram responder fê-lo por achar que ninguém tem nada a ver com isso, ou podemos vê-los como potenciais abstencionistas (de certa forma envergonhados)?

    Já agora, como vamos de valores para a abstenção?

    abraço,
    Carlos

  3. CCz says:

    Na divulgação do barómetro da TSF de 11 de Setembro não há qualquer referência à % de indecisos.
    .
    Na divulgação do barómetro da TSF de 24 de Setembro há referência 37% de indecisos.
    .
    Os números para as percentagens de votos que foram e estão a ser referidos são comparáveis directamente?
    .
    Obrigado.

  4. O Moscardo says:

    Comparativamente a sondagens da semana passada, esta amostra é bem mais pequena e se de 811 houve 37% que não responderam, estamos a falar de cerca de 550 inquéritos validados? Seria amostra de facto muito pequena… Não?

  5. O Moscardo says:

    Se N=811 e se temos 37% de NR/NS/Abstenção/indecisos – então só temos 555 respostas validadas? Se sim, a amostra é de facto muito pequena, sobretudo quando comparada com sondagens como a da Eurosondagem a semana passada, com amostra mais de três vezes maior…
    Por outro lado, é verdade que Marktest foi única empresa, antes das europeias, a “prever” (caro Pedro Magalhães: desculpas pelo uso deste termo!) a vitória do PSD… Será que a amostra é a mesma?
    Aguardam-se mais dados e a publicação das restantes.

    O MOscardo

  6. Presumo que nos dados em bruto, com 37% de indecisos a variação do PS de uma sondagem para outra não seja estatisticamente relevante (agora não tenho tempo para fazer as contas).
    Considerando os resultados em bruto estes são:

    Indecisos: 37%
    PS: 25.2
    PSD: 19.9
    BE: 5.8
    CDS-PP: 5.2
    CDU: 4.5

    Os da anterior sondagem:
    Indecisos: 32.4%
    PS: 23.9
    PSD: 20.4
    BE: 10.2
    CDS-PP: 3.3
    CDU: 4.3

    Variação:
    Indecisos: +4.6%
    PS: +1.3
    PSD: -0.5
    BE: -4.4
    CDS-PP: +1.9
    CDU: +0.2

    Assim, o que parece é que houve um transitar de votantes Bloco para Indecisos. Todas as outras variações não me parece que sejam estatisticamente significativas.
    Estes 4.4% podem mesmo regressar ao bloco se virem que o PS se aproxima da maioria.

  7. CCz says:

    Caro Moscardo, a sondagem que intuía a possibilidade de vitória do PSD nas europeias:
    .
    “O barómetro realizado pela Marktest para a TSF e “Diário Económico” realizou-se entre 27 e 30 Maio. Este estudo teve como universo a população de Portugal Continental com mais de 18 anos e que habita em residências com telefone fixo. A amostra é de 807 inquiridos, sendo a maior parte mulheres. Foram feitas 160 entrevistas na Grande Lisboa, 91 no Grande Porto, 131 no Litoral Centro, 156 no Litoral Norte, 179 no Interior Norte e 90 no Sul.”

  8. Uma nota inicial para dizer que ainda não percebi se o BE tem 9 ou 9,2, mas é irrelevante. Anauel: este valor de “indecisos” junta pessoas que não quiserem responder à pergunta com pessoas que dizem não saber em que vão votar. Eu acho que os reais indecisos serão certamente menos, a julgar pós-eleitorais anteriores.

    A comparação é possível, dado que, em ambos os casos, os ns/nr estão excluidos da base de cálculo das %s.

    Não há um critério absoluto – muitas propostas alternativas, mas sem critério absoluto -para dizer se uma amostra é “grande” ou “pequena”. Por exemplo, esta, é suficientemente grande para apurar se há difs. estatisticamente significativas entre PS e PS, mas insuficiente para apurar difs. estat. sign. entre BE, CDU e CDS. É mais assim que prefiro pensar no assunto.

  9. Tiago says:

    pedro,

    A sondagem do CESOP ao que parece sai hoje nao e?
    a data limite é 6ta feira ou so hoje a meia noite?

    cumprimentos

  10. Tiago says:

    Obrigado:)

    Vou ficar a espera

  11. beijokense says:

    A amostra é de 806. Para a projecção da Marktest não contaram 37% de “indecisos” + 2,6% de “não votantes”.

Leave a Comment

You must be logged in to post a comment.