offer swiss eta movement rolex replica.

the unique contribution well worth grow to be the conveniences cheap replica uhren.

how many sex doll are many annually?

Pedro Magalhães

Lisboa. Intercampus, 17-21 Julho, N=647, Tel.

PS: 46,4%
PSD/CDS-PP/PPM/MPT: 37,8%
BE: 8%
CDU: 7,8%

Aqui. A soma dá 100%, pelo que faltam aqui os OBN.

5 Comments

  1. Caro Pedro Magalhaes

    Depois de tanta polémica com as sondagens pre-eleitorais as empresas também não ajudam.

    Em mais de vinte eleições nacionais a percentagem de votos branco nulos e em outros partidos é sempre superior a 5%.

    Este número tem vindo a aumentar e nas ultimas eleições europeias ultrapassou os 10%.

    Perante este pressuposto quase técnico, será sério apresentar uma sondagem em que a soma dos 4 principais partidos dá 100,0% ?

    Será que alguém acredita que em mais de 600 entrevista nenhum entrevistado tenha respondido que vota em branco, nulo ou em outro partido ?

    PPB

  2. Sérgio_alj says:

    http://geoalj.blogspot.com/2009/07/ranking-de-clubes-paises-o-que-e.html

    Para perceber como é calculado o Ranking de Clubes da UEFA!!

    Com um exemplo prático!

  3. beijokense says:

    Caro PPB,
    o artigo da imprensa diz «são 26,4 por cento os que não sabem ou não respondem à pergunta sobre em quem vão votar a 11 de Outubro». O N reportado pelo Pedro Magalhães deveria ser ajustado em conformidade.

    P.S. corroboro o que diz quanto ao facto das “empresas também não ajudam”.

  4. Eu acho que muito daquilo que o Beijokense vem escrevendo no seu blogue sobre sondagens é interessante. Mas acho também que o Beijokense encara este meu blogue como seu eu fosse a ERC, ou tivesse obrigações especiais em relação a sondagens das quais não sou responsável. “O N reportado pelo Pedro Magalhães deveria se ajustado em conformidade”? Ora esta. E por que não o ajusta você?

  5. beijokense says:

    Peço desculpa pela utilização do condicional, substitua pelo presente do indicativo.
    Creio que o Pedro tem postado regularmente o N anunciado pelas empresas de sondagens, portanto a “conformidade” não lhe era dirigida.

Leave a Comment

You must be logged in to post a comment.