Pedro Magalhães

Marktest, 16-21 Fev, N=804, Tel.

Com algum atraso, retomo os resultados da última sondagem Marktest. Resultados mais assinaláveis:

1. Intenção de voto no PS cai de 40,5 para 36,7% de Janeiro para Fevereiro.
2. PSD prolonga tendência de subida que já vem desde as eleições.
3. CDS prolonga tendência de descida desde a mesma altura.
4. Saldo de opiniões positivas-negativas sobre o PM passa de -6,4 para -27,5.
5. Saldo de opiniões positivas-negativas sobre MFL mantêm-se em torno dos -50.
6. 74% daqueles que dizem tencionar votar no PS têm imagem positiva do PM; 80% daqueles que dizem tencionar votar no PSD têm imagem negativa.

2 Comments

  1. Augusto says:

    O PSD tem tido subidas e descidas…

    O CDS tem tido subidas e agora começa a ter descidas.

    Falta a analise ao BE e ao PCP, que parece não existirem, apesar de o BE ser nesta sondagem o terceiro partido, á frente do CDS.

  2. Aquilo que torna resultados assinaláveis, neste post, é o facto de constituirem diferenças significativas em relação a resultados anteriores (PS e Sócrates), confirmarem tendências (PSD e CDS) ou constituirem resultados extremos (MFL). BE e PCP existem, certamente, mas os seus resultados não encaixam nas categorias anteriores. Pensei que isto seria óbvio.

Leave a Comment

You must be logged in to post a comment.