Pedro Magalhães

Menções na twitosfera: evolução do share

Poucas observações? Sem dúvida. Amanhã estas linhas podem ficar bastante diferentes. Mera curiosidade? Talvez. É o que é, para já acho que é a única coisa que se pode dizer.

Bem, talvez mais qualquer coisinha. Paula Carvalho e outros colegas envolvidos no REACTION têm um paper onde analisam comentários a 10 notícias online do Público sobre os debates televisivos para as eleições de 2009. São 2.795 comentários, 3.537 frases anotadas, que foram analisadas manualmente (ao contrário do que temos aqui agora). Foram classificadas em termos dos seus alvos (os líderes) e a sua polaridade ( de “muito negativa” a “muito positiva”). O que descobriram? Entre outras coisas:

1. 60% das frases eram comentários negativos.
2. Sócrates era quem tinha mais comentários negativos, mas…
3. Foi o share de comentários positivos, não o total de comentários ou o saldo entre positivos e negativos, que mais se correlacionou com o voto.

Vamos então ver a evolução do share das menções positivas na twitosfera:

Há uma frase que me irrita brutalmente quando aplicada às sondagens mas que aqui acho que se aplica: isto vale o que vale. Mas com o tempo e a experiência poderemos talvez deixar de a usar e saber melhor o que realmente vale.

4 Comments

  1. Núncio says:

    Pedro,
    sou seu fã (para além da competência, sobretudo da sua serenidade didáctica) há muito tempo.
    Está cada vez mais interessante o seu blogue. Este post é bem um exemplo.
    Além disso, aqui não é preciso insultar nem manipular para se dissertar sobre política, sociologia, jornalismo.
    Obrg.

  2. A minha nova pool ….

    PSD: 34%
    PS: 31%
    CDS-PP: 14%
    CDU: 8%
    BE: 6%
    OBN: 7%

  3. eduardo says:

    dados muito interessantes, vou-me apresentar, Eduardo Oliveira e sou o responsável pelo sistema de recolha de dados que são usados para gerar estes estudos tão interessantes.

    desde a data de criação desse gráfico e hoje o Sócrates já foi referido cerca de 400 vezes. Fala-se cada vez mais dos políticos na twitosfera. a continuar assim os próximos tratamentos de dados serão ainda mais interessantes.

  4. Olá Eduardo. Ainda não sabemos bem o que isto quer dizer, mas começa realmente a tornar-se interessante. Bom trabalho!

Leave a Comment

You must be logged in to post a comment.