Pedro Magalhães

Presidenciais

Mais resultados da sondagem do CESOP, aqui. À pergunta sobre qual dos candidatos conhecidos (mais o actual PR) poderia ser melhor Presidente da República, as respostas:
Cavaco Silva: 57%
Manuel Alegre: 19%
Fernando Nobre: 8%
NS/NR: 16%

Não é uma pergunta sobre intenção de voto, como se pode constatar pelo próprio facto de não perguntar inicialmente aos inquiridos se tencionam ou não votar. Mas dá indicações importantes, que confluem com os resultados recentes da Aximage (menos com os resultados da Eurosondagem, apesar de nesta última se introduzirem cenários mais complicados que podem ter afectado as respostas).

E mais uma vez, o JN estica-se excessivamente na interpretação do resultado da sondagem, transformando aquilo que os outros tratam como “preferência” (bem a RTP e o DN aqui) numa “reeleição praticamente garantida”.

Ainda uma pergunta sobre Monarquia vs. República. 72% preferem República.

5 Comments

  1. Augusto says:

    Não sei que dados podem ter influido na sondagem da Eurosondagem

    Mas uma dá a Cavaco 57 ( CESOP)
    e outra 36 ( Eurosondagem)realmente não dá para levar a sério ….

  2. Nem a pergunta é a mesma, nem as opções de resposta são as mesmas. Que produzissem resultados iguais só por mero acaso seria expectável.

  3. Augusto says:

    Mas a ideia que as duas transmitem é que Cavaco numa teria 57% e na outra 36%, não sei qual o interesse de se fazerem sondagens , se os resultado só servem para lançar confusão.

    As perguntas podem não ser as mesmas, mas para o comum dos mortais o resultado é o mesmo, uma diferença de 21 pontos, e é isso que interessa….

  4. Diferentes pessoas fazem sondagens como acham que devem ser feitas. É só isso. Ou vamos fazer decretos sobre como se devem fazer perguntas?

  5. Augusto says:

    As sondagens são meros estudos de opinião, certo….

    Simplesmente a forma como os meios de comunicação, abusivamente ou não, as apresentam, são formas de condicionar a opinião publica.

    Porque será que os dois politicos que mais criticaram as sondagens foram Santana Lopes e Paulo Portas.
    Será que isso tinha a ver com a ligação dos dois , á empresa de sondagens da Universidade Moderna, e saberem com que linhas se coze o negocio?

    É logico que os profissionais do sector são pessoas responsaveis e tentam fazer um trabalho cientifico e profissional, simplesmente a forma como esse trabalho é muitas vezes apresentado, DISTORCE TOTALMENTE esse objectivo.

Leave a Comment

You must be logged in to post a comment.