Pedro Magalhães

Yet another piece of the Greek puzzle

Latest polls in Greece:

Epikaira (comparison with last election result):

New Democracy: 30.5% (-3)
PASOK: 12% (-32.1)
Laos: 6% (+0.4)
Democratic Left: 13% (new party)
KKE: 12.5% (+5)
Coalition of the radical left: 12.5% (+7.9)

Skai/Ekathimerini (comparison with last election result):

New Democracy: 31% (-2.5)
PASOK: 8% (-35.9)
Laos: 5% (-0.6)
Democratic Left: 18% (new party)
KKE: 12.5% (+5)
Coalition of the radical left: 12%  (+7.4)
Chrysi Avgi: 3% (+2.5)

12% for PASOK would be the worst result for the Socialists ever, even worse than the 13.6% of the 1974 elections, the first after the end of the military junta. In these polls, the parties to the left of PASOK represent about 40% of the vote. And Chrysi Avgi is, well, this.

2 Comments

  1. tms says:

    Caro Pedro, no 5dias.net também tenho vindo a acompanhar as intenções de voto na Grécia. Com a dificuldade de não conseguir acompanhar o que não está traduzido em inglês.
    Parece-me que seria relevante ao colocar estas duas sondagens, esclarecer que têm cerca de duas semanas de diferença. Ou seja, parece que nas últimas semanas há uma significativa transferência de voto do PASOK para a Esquerda Democrática.
    Cumprimentos
    tms

  2. Zunkruft says:

    A Esquerda Democrática (DIMAR) não é mais do que os dissidentes (e os expulsos) do PASOK misturados com alguns independentes e alguns dissidentes do SYRIZA (o Bloco de Esquerda de lá).

    As mais recentes sondagens dão os seguintes resultados:

    Nova Democracia: 27-31%
    PASOK: 8-13%
    LAOS: 4-6%
    KKE: 11-14%
    SYRIZA: 12-14%
    DIMAR: 16-18%
    Chrysi Avgi: 2-4%

    1) São precisos 3% para entrar no parlamento grego. O Chrysi Avgi (ainda mais extrema-direita que o LAOS, e com ligações às facções neo-nazi que existem na Grécia), a confirmar-se os resultado das sondagens, passa a entrar.

    2) A Nova Democracia (o PPD/PSD de lá) ganha, mas provavelmente nem passa dos 30%. Ora, como o PASOK (que não irá além dos 12-13%, se os conseguir…) é o único partido capaz de se coligar com a ND, não há garantia de que o bloco central consiga maioria absoluta.

Leave a Comment

You must be logged in to post a comment.